Metodologias de teste de software: aprender modelos de controle de qualidade

O que é metodologia de teste de software?

A Metodologia de Teste de Software é definida como estratégias e tipos de teste usados ​​para certificar que o Aplicativo em Teste atende às expectativas do cliente. As metodologias de teste incluem testes funcionais e não funcionais para validar o AUT. Exemplos de metodologias de teste são Teste de Unidade , Teste de integração , Teste de Sistema , Teste de performance etc. Cada metodologia de teste tem um objetivo de teste definido, estratégia de teste e resultados finais.

Observação : Como o Teste de Software é parte integrante de qualquer Metodologia de Desenvolvimento, muitas empresas usam o termo Metodologias de Desenvolvimento e Metodologias de Teste coloquialmente. Portanto, as metodologias de teste também podem se referir a modelos em cascata, ágeis e outros modelos de controle de qualidade em comparação com a definição acima de metodologias de teste. A discussão sobre vários tipos de teste não agrega valor para os leitores. Portanto, discutiremos os diferentes modelos de desenvolvimento.

Neste tutorial, você aprenderá-

Modelo de Cachoeira

O que é?

No modelo em cascata , o progresso do desenvolvimento de software através de várias fases, como Análise de Requisitos, Design, etc - sequencialmente .

Neste modelo, a próxima fase começa apenas quando a fase anterior é concluída.

Qual é a abordagem de teste?

A primeira fase do modelo em cascata é a fase de requisitos, na qual todos os requisitos do projeto são completamente definidos antes de iniciar o teste. Durante esta fase, a equipe de teste faz um brainstorm do escopo do teste, estratégia de teste e esboça um plano de teste detalhado.

Somente quando o design do software estiver concluído, a equipe passará para a execução dos casos de teste para garantir que o software desenvolvido se comporte conforme o esperado.

Nesta metodologia, a equipe de teste prossegue para a próxima fase somente quando a fase anterior for concluída.

Vantagens

Este modelo de engenharia de software é muito simples de planejar e gerenciar. Portanto, os projetos, onde os requisitos são claramente definidos e declarados de antemão, podem ser facilmente testados usando um modelo em cascata.

Desvantagens

No modelo em cascata, você pode começar com a próxima fase apenas depois que a fase anterior for concluída. Portanto, este modelo não pode acomodar eventos não planejados e incertezas.

Esta metodologia não é adequada para projetos onde os requisitos mudam com frequência.

Desenvolvimento iterativo

O que é?

Neste modelo, um grande projeto é dividido em pequenas partes, e cada parte está sujeita a várias iterações do modelo em cascata. No final de uma iteração, um novo módulo é desenvolvido ou um módulo existente é aprimorado. Este módulo é integrado à arquitetura do software e todo o sistema é testado em conjunto

Qual é a abordagem de teste?

Assim que a iteração é concluída, todo o sistema é submetido a testes. O feedback do teste está imediatamente disponível e é incorporado no próximo ciclo. O tempo de teste necessário em iterações sucessivas pode ser reduzido com base na experiência adquirida em iterações anteriores.

Vantagens

A principal vantagem do desenvolvimento iterativo é que o feedback do teste está imediatamente disponível no final de cada ciclo.

Desvantagens

Este modelo aumenta significativamente os overheads de comunicação, uma vez que, ao final de cada ciclo, deve-se fornecer feedback sobre as entregas, esforço, etc.

Metodologia ágil

O que é?

As metodologias tradicionais de desenvolvimento de software funcionam com a premissa de que os requisitos de software permanecem constantes durante todo o projeto. Porém, com o aumento da complexidade, os requisitos passam por inúmeras mudanças e evoluem continuamente. Às vezes, o próprio cliente não tem certeza do que deseja. Embora o modelo iterativo trate desse problema, ele ainda é baseado no modelo em cascata.

Na metodologia Agile, o software é desenvolvido em ciclos rápidos e incrementais. As interações entre clientes, desenvolvedores e clientes são enfatizadas em vez de processos e ferramentas. A metodologia ágil se concentra em responder às mudanças ao invés de um planejamento extensivo.

Qual é a abordagem de teste?

O teste incremental é usado em métodos de desenvolvimento ágil e, portanto, cada versão do projeto é testada exaustivamente. Isso garante que quaisquer bugs no sistema sejam corrigidos antes da próxima versão.

Vantagens

É possível fazer alterações no projeto a qualquer momento para cumprir os requisitos.

Este teste incremental minimiza os riscos.

Desvantagens

A interação constante com o cliente significa maior pressão de tempo sobre todas as partes interessadas, incluindo o próprio cliente, o desenvolvimento de software e as equipes de teste.

Programação extrema

Desenvolvimento de software e metodologias de teste: guia completo

O que é?

A programação extrema é um tipo de metodologia ágil que acredita em ciclos de desenvolvimento curtos. Um projeto é dividido em tarefas simples de engenharia. Os programadores codificam um software simples e entram em contato com o cliente para obter feedback. Os pontos de revisão do cliente são incorporados e os desenvolvedores continuam com a próxima tarefa.

Em desenvolvedores de programação extrema geralmente, trabalham em pares.

Programação extrema é usado em locais onde os requisitos do cliente mudam constantemente.

Qual é a abordagem de teste?

A programação extrema segue um desenvolvimento orientado a teste que é descrito a seguir -

  1. Adicione um Caso de teste para o conjunto de testes para verificar a nova funcionalidade que ainda está para ser desenvolvida
  2. Execute todos os testes e, obviamente, o novo caso de teste adicionado deve falhar, pois a funcionalidade ainda não está codificada
  3. Escreva algum código para implementar o recurso / funcionalidade
  4. Execute o conjunto de testes novamente. Desta vez, o novo caso de teste deve passar, pois o funcionalmente foi codificado

Vantagens

Os clientes que têm um projeto de software vago em mente podem usar programação extrema

Testes contínuos e integração contínua de pequenos lançamentos garantem que o código do software seja entregue de alta qualidade

Desvantagens

Reuniões entre a equipe de desenvolvimento de software e clientes aumentam os requisitos de tempo.

Qual metodologia de software escolher?

Existem inúmeras metodologias disponíveis para desenvolvimento de software e seus testes correspondentes. Cada técnica e metodologia de teste é projetada para um propósito específico e tem seus méritos e deméritos relativos.

A seleção de uma metodologia específica depende de muitos fatores, como a natureza de um projeto, requisitos do cliente, cronograma do projeto, etc.

De uma perspectiva de teste, algumas metodologias pressionam para testar a entrada no início do ciclo de vida de desenvolvimento, enquanto outras esperam até que um modelo funcional do sistema esteja pronto.

Como configurar metodologias de teste de software?

As metodologias de teste de software não devem ser configuradas apenas para testar o código do software. O quadro geral deve ser considerado e o objetivo principal do projeto deve ser satisfeito com a metodologia de teste.

Agendamento

A programação realista é a chave para a implementação de uma metodologia de teste bem-sucedida e a programação deve atender às necessidades de cada membro da equipe.

Entregáveis ​​definidos

Para manter todos os membros da equipe na mesma página, produtos bem definidos devem ser fornecidos. As entregas devem conter conteúdo direto sem qualquer ambigüidade.

Abordagem de teste

Uma vez que o cronograma está completo e as entregas definidas são disponibilizadas, a equipe de teste deve ser capaz de formular a abordagem de teste certa. Os documentos de definição e as reuniões do desenvolvedor devem indicar a equipe sobre a melhor abordagem de teste que pode ser usada para o projeto.

Comunicando

Relatórios transparentes são muito difíceis de obter, mas esta etapa determina a eficácia da abordagem de teste usada no projeto.