As 50 principais perguntas e respostas da entrevista SAP FICO

baixar PDF

1) Explain the term SAP FICO?

SAP FICO significa FI (contabilidade financeira) e CO (controle). No SAP FICO, SAP FI se preocupa com a contabilidade, preparação de demonstrações financeiras, cálculos de impostos etc., enquanto SAP CO cuida de pedidos intermediários, planilha de custos, planilha de inventário, alocações de custos, etc. É o software que armazena dados e também calcula e recupera o resultado com base no cenário de marketing atual. SAP FICO evita a perda de dados e também faz a verificação e relatório de dados.

2) Quais são os outros módulos aos quais a 'Contabilidade Financeira' está integrada?

Os outros módulos aos quais a 'Contabilidade Financeira' está integrada são

a) Vendas e distribuição

b) Gestão de Materiais

c) Recursos Humanos

d) Planejamento de Produção

e) Controle de transações financeiras

3) No SAP FI quais são os elementos organizacionais?

Os elementos organizacionais no SAP FI são:

a) Código da Empresa

b) Área de Negócios

c) Plano de contas

d) Área Funcional

4) Explique o que é a chave de postagem e o que ela controla?

A fim de determinar o tipo de transação que é inserido no item de linha, um numérico de dois dígitos é usado conhecido como 'Chave de lançamento'

A chave de postagem determina

a) Tipos de conta

b) Tipos de postagem. Débito ou Crédito

c) Status de campo da transação

5) Qual é o código da empresa no SAP?

Para gerar demonstrações financeiras como demonstração de lucros e perdas, balanços, etc., é usada a empresa.

6) Quantos planos de contas a empresa pode ter?

Você pode ter um plano de contas atribuído a uma empresa.

7) Para um código de empresa, quantas moedas podem ser configuradas?

Existem três moedas que podem ser configuradas para uma empresa, uma é a moeda local e duas são as moedas paralelas.

8) Quais são as opções do SAP para os anos fiscais?

O ano fiscal no SAP é a forma como os dados financeiros são armazenados no sistema. No SAP, você tem 12 períodos e quatro períodos especiais. Esses períodos são armazenados na variante do ano fiscal que é:

a) Ano civil: de janeiro a dezembro, abril a março

b) Ano fiscal dependente do ano

9) O que é uma 'mudança de ano' no calendário SAP?

O sistema SAP não sabe o que está quebrado no ano fiscal, por exemplo, de abril de 2012 a março de 2013 e entende apenas o ano civil. Se, para qualquer empresa, o ano fiscal não é um ano civil, mas a combinação dos diferentes meses de dois anos civis diferentes e, em seguida, um do ano civil deve ser classificado como um ano fiscal para SAP e o mês que cai em outro ano tem a ser ajustado no ano fiscal mudando o ano usando o sinal -1 ou +1. Essa mudança no ano é conhecida como 'mudança de ano'.

Exemplo: De abril de 2012 a dezembro de 2012 é o nosso primeiro ano civil, e de janeiro de 2013 a março de 2013 é o nosso segundo ano, agora se você está considerando 12 de abril a 12 de dezembro como ano fiscal, então 13 de janeiro a 13 de março torna-se automaticamente o segundo ano, e você tem que ajustar este ano usando -1 turno, e vice-versa se o cenário for invertido, aqui você usará +1 turno.

10) Qual é a variante de exercício fiscal dependente do ano?

Em uma variante de ano fiscal dependente do ano, o número de dias em um mês não é igual ao mês do calendário. Por exemplo, no ano de 2005, mês de janeiro termina em 29º, o mês de fevereiro termina em 26ºetc.

11) No SAP, como os impostos de entrada e saída são tratados?

Para cada país, o procedimento fiscal é definido e os códigos de imposto são definidos dentro deste. Existe uma flexibilidade para gastar os valores do imposto ou capitalizá-los em ações.

12) Explique o que é validações e substituições no SAP?

Para cada área funcional no SAP, a Validação ou Substituição é definida, por exemplo, Ativos, Controle etc. nos seguintes níveis

a) Nível de Documento

b) Nível do item de linha

13) Quais são as áreas de aplicação que usam validação e substituições?

a) FI- Contabilidade Financeira

b) Contabilidade CO-Custo

c) AM-Contabilidade de ativos

d) Razão de finalidade especial GL

e) CS-Consolidação

f) Sistema PS-Project

g) RE-Imobiliário

h) Contabilidade do centro de lucro PC

14) No SAP, qual é a utilização do FSV (Financial Statement Version)?

FSV (versão das demonstrações financeiras) é uma ferramenta de relatório. Ele pode ser usado para extrair contas finais do SAP, como Conta de Lucros e Perdas e Balanço. Os vários FSVs podem ser usados ​​para gerar a produção de várias agências externas, como bancos e outras autoridades legais.

15) O que é um grupo de status de campo?

'Grupos de status de campo' controlam os campos que aparecem quando o usuário faz as transações. No mestre FIGL (Financial General Ledger), o grupo de status do campo é armazenado.

16) O que faz a contabilidade FI-GL (Financial Ledger)?

Para obter uma visão geral da contabilidade e contas externas, é usada a Contabilidade G L (Razão). Faz o registro de todas as transações comerciais incorporadas com todas as demais áreas operacionais em um sistema de software e também garante que os dados da Contabilidade estejam sempre completos e precisos.

17) Qual é o tipo de taxa de câmbio padrão que é selecionado para todas as transações SAP?

Para todas as transações SAP, a taxa de câmbio padrão é M (Taxa média).

18) Quais são os métodos pelos quais os pagamentos de faturas do fornecedor podem ser feitos?

a) Pagamento manual sem o uso de qualquer meio de saída como cheques etc.

b) Pagamentos automáticos como DME (Data Medium Exchange), cheques, transferência bancária

19) Quais são os problemas na configuração da área de negócios?

O problema que se enfrenta ao configurar uma área de negócios é o desdobramento do saldo da conta, que é mais pertinente no caso de contas fiscais.

20) Para compensação de documentos quais são os pré-requisitos de customização?

O pré-requisito do customizing para compensação de documentos é verificar as partidas compensadas e não compensadas, e isso é feito pela administração de partidas em aberto. O gerenciamento de itens abertos gerencia sua conta pendente, ou seja, contas a pagar e contas a receber. Por exemplo, um item da fatura que ainda não foi pago é registrado como conta aberta até que seja pago.

21) Qual a importância da conta de compensação EM / IR (Bom Recebido / Fatura Recebida)?

GR / IR (Bom Recebido / Fatura Recebida) é uma conta provisória. No sistema legado, se a mercadoria é recebida e a fatura não é recebida, a provisão é feita, no SAP, no recebimento da mercadoria. Ele passa o lançamento contábil debitando o estoque e creditando a conta EM / EF. Da mesma forma, quando uma fatura é recebida, a conta do fornecedor é creditada e a conta EM / EF é debitada, a EM / EF será exibida como itens não compensados ​​até o momento em que a fatura não for recebida.

22) O que é moeda paralela e local no SAP?

Cada empresa pode ter duas moedas adicionais, além da empresa, moeda entrada nos dados da empresa. A moeda entrada na criação da empresa é chamada de moeda interna e as outras duas moedas adicionais são chamadas de moedas paralelas. As moedas paralelas podem ser usadas em transações comerciais estrangeiras. Para fazer transações internacionais, a moeda paralela pode ser usada. As duas moedas paralelas seriam GROUP CURRENCY e HARD CURRENCY.

23) Onde você pode usar a ordem interna?

Para rastrear o custo, são usados ​​pedidos internos; eles são propostos para serem incorridos em uma base de curto prazo.

24) É possível calcular a depreciação ao dia?

Sim, é possível calcular a depreciação, para isso tem que ligar o indicador Dep. para o dia na configuração da chave de depreciação.

25) Na contabilidade do imobilizado quais são as atribuições organizacionais?

Na contabilidade do imobilizado, o gráfico de depreciação é classificado como o nó mais alto e é atribuído ao nó da empresa. Todos os cálculos de depreciação são armazenados no gráfico de depreciação.

26) Qual é a importância das classes de ativos? Quais classes de ativos existem?

A classe de ativos é a principal classe para classificar ativos. Cada ativo deve ser atribuído a apenas uma classe de ativo. Exemplo de classe de ativo é Móveis e utensílios, planta e maquinário e computadores, etc. A classe de ativo também contém a conta G1, quando qualquer ativo é adquirido, a conta G1 é debitada. Sempre que você cria um mestre de ativos, torna-se obrigatório mencionar a classe de ativos para a qual você está criando os ativos necessários. Assim, sempre que ocorrer qualquer transação de ativo, a conta G1 associada à classe de ativo é automaticamente retirada e a entrada é passada. Você também pode especificar os valores padrão para calcular os valores de depreciação e outros dados mestre em cada classe de ativo.

27) Como capital WIP (Work In Process) e ativos contabilizados no SAP?

'Capital WIP' é referido como Ativos em construção no SAP e é representado em uma classe de ativo específica. Geralmente, a depreciação não é cobrada em 'Capital WIP'. O custo incorrido na construção de um ativo de capital pode ser contabilizado em uma 'ordem interna' e por meio dos procedimentos de liquidação, e pode ser lançado em um 'Ativo em construção'.

28) Quais são os principais componentes do Plano de Contas?

Os principais componentes do plano de contas são:

a) Chave do plano de contas

b) Nome

c) Manter a linguagem

d) Comprimento do número da conta GL

e) Controle de Integração

f) Plano de contas Consolidação-Grupo

g) Indicador de bloco

29) O que é área de controle de crédito no SAP?

Para imunizar a sua empresa do risco de inadimplência e múltiplas contas a receber em aberto, você pode definir um limite de crédito para o seu cliente através da área de controle de crédito do SAP. Com a ajuda do SAP, você pode bloquear as entregas para o seu cliente com base no limite de crédito e no saldo de contas a receber da conta mantida por você.

30) Como você pode criar Área de Controle de Crédito no SAP?

Usando o código de transação OB45 ou caminho, você pode criar Área de Controle de Crédito no SAP

SPRO> estrutura empresarial> manutenção da estrutura> definição> contabilidade financeira> manutenção da área de controle de crédito e, em seguida, insira a seguinte descrição

a) Atualização

b) Nome da área de controle de crédito no SAP

c) Moeda

d) Descrição

e) Limite de Crédito

f) Categoria de Risco

g) Variante Fiscal

h) Grupo de representantes

31) O que são variantes de período contábil?

No exercício fiscal, o período contábil é um período para o qual os números das transações são atualizados. As variantes do período contábil no SAP são responsáveis ​​por controlar qual período contábil está aberto para lançamento e garante que os períodos encerrados permaneçam equilibrados.

32) Explique em termos simples o que é o status do campo e o que ele controla?

O grupo de status de campo é um grupo configurado em FSV (Variante de status de campo) para manter o status de campo para contas do Razão (Razão). Ele controla qual campo deve suprimir, exibir, opcional e obrigatório.

33) O que é um ano fiscal de curto prazo?

Um ano fiscal de curto prazo ocorre quando você muda de um ano fiscal normal para um ano fiscal não-calendário ou outra forma. Esse tipo de mudança ocorre quando uma empresa passa a fazer parte de um novo grupo co-corporativo.

34) O que é um grupo de contas e onde ele é usado?

Para controlar os dados que precisam ser inseridos no momento da criação de um registro mestre, um grupo de contas é usado. O grupo de contas existe para a definição de conta contábil, mestre de clientes e fornecedor.

35) Qual é a finalidade do 'Tipo de documento' no SAP?

O objetivo do 'tipo de documento' no SAP é

a) O intervalo numérico dos documentos é definido por ele

b) Os tipos de contas que podem ser postados são controlados por ele, por exemplo, Ativos, Fornecedor, Cliente, conta Contábil normal

c) É utilizado para estorno de lançamentos

36) A área de negócios está no nível da empresa?

Não. A divisão está no nível do cliente, o que significa que outras empresas também podem ser lançadas na mesma divisão.

37) No SAP, o código do cliente e do fornecedor são armazenados em que nível?

Os códigos de fornecedor e cliente são armazenados no nível do cliente. Isso significa que, ao estender a visão do código da empresa, qualquer empresa pode usar o código do cliente e do fornecedor.

38) Como são definidas as tolerâncias para a verificação de faturas?

A tolerância determina se o valor a pagar é compatível ou retido na fatura. A seguir estão as instâncias de tolerância que podem ser definidas para a Revisão de faturas logísticas.

a) Pequenas diferenças

b) Variações de preço médio móvel

c) Variações de quantidade

d) Variações de preços

39) O que é um plano de contas de um país?

O plano de contas do país contém contas do Razão (Razão) necessárias para atender aos requisitos legais do país.

40) O que é APP no SAP Fico?

APP significa 'Programa de Pagamento Automático'; é uma ferramenta fornecida pela SAP às empresas para pagar seus fornecedores e clientes. As ferramentas do APP ajudam a evitar erros na postagem manual. Além disso, quando o número de funcionários é maior na empresa, o pagamento pelo APP torna-se mais viável.

41) No SAP FICO quais são as condições de pagamento e onde estão armazenadas?

As condições de pagamento são criadas na configuração e determinam a data de vencimento do pagamento para a fatura do fornecedor / cliente.

Eles são armazenados no registro mestre do cliente ou fornecedor e são transferidos para os lançamentos de faturas de cliente / fornecedor. A data de vencimento pode ser alterada em cada fatura individual, se necessário.

42) O que são fornecedores ocasionais?

Em certas empresas, especialmente aquela que lida com grandes transações em dinheiro, não é prático criar novos registros mestre para cada parceiro comercial do fornecedor. Os fornecedores ocasionais permitem que um código de fornecedor fictício seja usado na entrada da fatura e também as informações que geralmente são armazenadas no mestre do fornecedor.

43) Quais são os estágios padrão da execução de pagamento SAP?

As etapas a seguir são os estágios padrão da execução de pagamento SAP

a) Inserção de parâmetros (Contas do Fornecedor, Códigos da Empresa, Métodos de Pagamento)

b) Agendamento de Proposta - o sistema propõe a lista de faturas pagas

c) Registro de pagamento - o registro dos pagamentos reais no livro-razão

d) Impressão de formulários de pagamento, exemplo de cheques

44) No Contas a Receber, qual a diferença entre os métodos 'Pagamento Residual' e 'Pagamento Parcial' de alocação de caixa?

'Pagamento residual' e 'Pagamento parcial' são os dois métodos de alocação de métodos parciais dos clientes. Por exemplo, uma fatura de $ 100 é gerada, o cliente pagou $ 70. Agora esses $ 70 serão compensados ​​e o saldo restante será de $ 30. Com o pagamento residual, a fatura é compensada pelo valor total de $ 100 e uma nova fatura é gerada para os saldos restantes $ 30.

45) O que é 'cobrança' no SAP?

'Cobrança' é o processo pelo qual as cartas de cobrança são emitidas aos clientes. A SAP pode determinar quais clientes devem receber as cartas e para quais itens vencidos. Cartas diferentes podem ser impressas no SAP dependendo da data de vencimento do pagamento, com um simples lembrete. Com a ajuda do nível de cobrança no mestre do cliente, podemos saber qual carta foi emitida para o cliente.

46) Qual é a finalidade do campo de tipo de conta no registro mestre GL (Razão)?

No final do ano, as contas de lucros e perdas são compensadas para a conta do balanço de lucros retidos. O campo contém um indicador que está vinculado a contas contábeis (Razão) específicas para usar nesta compensação.

47) Explique o que são entradas recorrentes e por que são usadas?

Os lançamentos recorrentes podem eliminar a necessidade de lançamento manual de documentos contábeis que não mudam de mês para mês. Por exemplo, pode ser gerado um documento de despesas que pode ser programado para os últimos dias de cada mês ou sempre que um indivíduo desejar. Normalmente, várias entradas recorrentes são criadas de uma só vez e, em seguida, processadas todas juntas como uma transação de final de mês em lote.

48) O que é um 'Campo de valor' no módulo CO-PA?

Os campos de valor são campos relacionados a números ou valores na análise de lucratividade, como quantidade, receita de vendas, valor de desconto etc.

49) Quais são as ordens estatísticas internas?

Ordens internas estatísticas são objetos de custo fictícios usados ​​para fins de relatório e análise. Deve ser lançado em conjunto com um objeto real, como um centro de custo.

50) Para quais fins os pedidos internos podem ser usados?

Você pode usar pedidos internos para

a) Pedidos indiretos: Monitora trabalhos internos liquidados para centros de custo

b) Ordens de Investimento: Monitora vagas internas liquidadas em ativos fixos

c) Ordens de Acumulação: Lançamento de compensação de custos acumulados calculados em CO

d) Pedidos com Receita: Mostra o controle de custos das partes de Vendas e Distribuição, não afeta o core business da empresa